A RESISTÊNCIA DO MOVIMENTO ESTUDANTIL NA DITADURA MILITAR BRASILEIRA

Nayara Carla de Andrade

Resumo


O presente trabalho tem o intuito de demonstrar como eram os estudantes organizados pela UNE, UBEs e respectivas UEEs antes de abril de 1964, e o que se tornaram durante o regime militar, aos olhos dos militares que tomaram o poder eles eram um dos setores mais identificados com a esquerda. Iremos analisar o que foi o regime militar, a fim de demonstrar os motivos que levaram o movimento estudantil a ser caracterizado como uma baderna, e como foram levados à ilegalidade pela lei Suplicy de Lacerda. Além disto, analisaremos como este movimento se tornou uma resistência à ditadura militar, está analise será dada através de pesquisas, assim como de entrevistas de pessoas que vivenciaram estes acontecimentos.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.