A INSERÇÃO DA CRIANÇA NA CRECHE

Eduarda Moreira Pittz

Resumo


Este artigo teve como objetivo analisar o processo de adaptação das crianças na creche municipal Santa Luzia, situada no município de Manhuaçu-MG e o impacto causado nos responsáveis legais neste processo gradual e complexo de desligamento, identificando os mecanismos pedagógicos utilizados por esta instituição de educação para minimizar os efeitos presentes nesta experiência. Para o desenvolvimento deste estudo, foi realizada pesquisa bibliográfica com os principais autores que discutem esta temática, identificando: a) o histórico das creches no Brasil, b) o processo de reconhecimento das creches como espaço de educação, e por fim, c) a realização do processo de inserção da criança na creche. Com a finalidade de conhecer a realidade deste processo e as estratégias adotadas pela creche Santa Luzia para enfrentar estes desafios foram desenvolvidas 12 entrevistas com os responsáveis legais de crianças que se encontram cadastradas e frequentes na referida instituição educacional com a finalidade de extrair deles a percepção sobre a importância da inserção da criança na creche, como instituição de educação infantil e os mecanismos pedagógicos adotados pela instituição educacional que podem facilitar a inserção da criança neste local, visando o desenvolvimento afetivo, cognitivo, psicomotor e social da criança.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.