ALEITAMENTO EXCLUSIVAMENTE MATERNO: OS BENEFICIOS E A PROTEÇÃO LEGISLATIVA

Renata Cristina Taveira Azevedo

Resumo


O aleitamento exclusivamente materno é a melhor alimento para o lactente nos primeiros seis meses, devido a sua complexidade nutricional e seu auxilio no desenvolvimento e crescimento da criança, contribuindo tanto a nível de sistema imunológico quanto na prevenção de infecções de trato respiratório e digestório. O presente trabalho foi realizado por meio de uma revisão de literatura com base os dados encontrados na Scielo, PubMed, Medline, Guidelines e livros que apresentaram os descritores procurados entre os anos de 1992 e 2019. Apesar de todos os benefícios do aleitamento humano, esse não é um habito cultural e em prol da sua importância surgiram cláusulas e artigos na legislação que o incentivassem. Certamente, as propostas legislativas devem ser melhor ratificadas para garantir que todas as crianças recebam o leite materno ate o sexto mês, fato o tal que contribui positivamente para prevenção de doenças e promoção de saúde materna e da criança

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.