VERTIGEM POSTURAL PAROXÍSTICA BENIGNA (VPPB): REVISÃO INTEGRATIVA

Marcus Vinicius Gomes de Oliveira, Cícero Leite Carneiro Vianna, Gustavo Henrique De Melo da Silva

Resumo


A VPPB é uma vestibulopatia cujo sintoma típico é o surgimento de vertigem rotatória, desencadeada em determinadas posições assumidas pela cabeça. É a patologia labiríntica mais frequente em adultos e idosos na prática clínica, e é raramente encontrada em crianças. A VPPB pode atingir um ou mais canais semicirculares, resultando em vários tipos de nistagmo de posição. O principal objetivo deste trabalho é descrever, por meio de revisão integrativa, informações da VPPB enfatizando os aspectos clínicos de maior relevância para conhecimento de acadêmicos de ciências da saúde e médicos generalistas através de pesquisa por artigos acadêmicos em plataformas onlines que se somaram com as informações extraídas do Tratado de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvicofacial da ABORL-CCF. O acometimento do sistema vestibular pode ser avaliado através de exames otoneurológicos; e podem ser realizadas manobras no diagnóstico, além de manobras de reposicionamento para o tratamento. Fica evidente, portanto, que o próprio nome da VPPB já é sugestivo de sua benignidade, tendo em vista os bons prognósticos apresentados pela maioria dos pacientes adequadamente tratados. É de extrema importância o conhecimento aprofundado da mesma, devido à sintomatologia diversa, e aos altos índices de diagnósticos errôneos e precipitados para episódios vertiginosos.


Texto completo:

PDF

Referências


AFFELD, C. N. Video Head Impulse Test: resultados em crianças, adolescentes e adultos portadores de otite média crônica não colesteatomatosa. Dissertação de Mestrado Universidade Federal do Rio Grande do Sul. 2016. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/143349. Acesso em: 10 out.2019.

BÜTTNER, U.; HELMCHEN, C. H.; BRANDT, T. H. Diagnostic criteria for central versus peripheral positioning nystagmus and vertigo: a review. Acta oto-laryngologica, v. 119, n. 1, p. 1-5, 1999. . Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/00016489950181855. Acesso em: 9 out.2019.

CALDAS, M.A.; et al. Vertigem posicional paroxística benigna: caracterização clínica. Brazilian Journal of Otorhinolaryngology, v. 75, n. 4, p. 502-506, 2009. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/3924/392437887006.pdf. Acesso em: 9 out.2019.

GANANÇA, F.F.; et al. Da rotação cefálica ativa na vertigem posicional paroxística benigna. Brazilian Journal of Otorhinolaryngology, v. 75, n. 4, p. 586-592, 2009. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/3924/392437887019.pdf. Acesso em: 9 out.2019.

GANANÇA, F.F.; CAOVILLA, HH; GANANÇA, MM. Diagnóstico diferencial da vertigem. In: Campos CAH, Costa HOO. Tratado de otorrinolaringologia. Vol. 2. Doenças/ Otologia – Base do crânio. São Paulo: Roca; 2003. p. 505-20. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Mauricio_Gananca/publication/237402346_Lidando_com_a_Vertigem_Posicional_Paroxistica_Benigna/links/00b7d5315dcfcce32a000000.pdf. Acesso em: 9 out.2019.

GANANÇA, M.M.; et al. Lidando com a vertigem posicional paroxística benigna. Acta OrL, v. 23, n. 1, p. 18-25, 2005. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Mauricio_Gananca/publication/237402346_Lidando_com_a_Vertigem_Posicional_Paroxistica_Benigna/links/00b7d5315dcfcce32a000000.pdf. Acesso em: 9 out.2019.

GANANÇA, M.M.; CAOVILLA HH; GANANÇA FF. Vertigem posicional. In: Hungria H, editor. Otorrinolaringologia. 8ª ed., Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2000. p. 452-9.

GRETERS, M.E.; et al. Avaliação do tratamento fisioterápico na vertigem cervical (Estudo Preliminar). Arq. int. otorrinolaringol, v. 11, n. 4, p. 406-10, 2007. Disponível em: http://arquivosdeorl.org.br/conteudo/pdfForl/460.pdf. Acesso em: 9 out.2019.

HANDA, P.R.; et al. Qualidade de vida em pacientes com vertigem posicional paroxística benigna e/ou doença de Ménière. Brazilian Journal of Otorhinolaryngology, v. 71, n. 6, p. 776-783, 2005.

Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/%0D/rboto/v71n6/a15v71n6.pdf. Acesso em: 9 out.2019.

HAYBACH, P. J.; UNDERWOOD, J.L. BPPV: what you need to know. Vestibular Disorders Association, 2000.

JUNIOR, B.F.; et al. Vestibulopatias Periféricas e Tonturas de Origem Cervical. In: PIGNATARI, S.S.N.; ANSELMO-LIMA W.T. Tratado de otorrinolaringologia. 3. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2018., 35., Disponível em: https://evolution.com.br/epubreader/9788535289039 Acesso em: 9 out.2019.

PEREIRA, C.B.; SCAFF, M. Vertigem de posicionamento paroxística benigna. Arq Neuropsiquiatr, v. 59, n. 2-B, p. 466-70, 2001. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/anp/v59n2B/a31v592b. Acesso em: 9 out.2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.