UMA ABORDAGEM SOBRE AS CAUSAS DE DESCOMPENSAÇÃO EM INSUFICIÊNCIA CARDÍACA CRÔNICA: RELATO DE CASO

Lara Alves Paiva, Rafaela Alves Teixeira, Bianca Tavares Emerich, Lucas Machado Hott, Vinícius Pedro Almeida Valentim

Resumo


A insuficiência cardíaca descompensada (ICD) é uma síndrome caracterizada por uma disfunção cardíaca, que dificulta o transporte sanguíneo para o sistema corporal e impossibilita a ejeção sanguínea adequada, o que prejudica o metabolismo corporal. É responsável por reduzir a expectativa e a qualidade de vida dos pacientes, além de aumentar os gastos com a saúde pública. Dessa forma, é de grande importância a identificação da causa de descompensação da insuficiência cardíaca. Embora nem todas possam ser encontradas, algumas frequentes são: isquemia miocárdica, não adesão ao tratamento, excessos emocionais e físicos, infecções, retenção de sódio, dentre outras. Este trabalho apresenta um relato de caso de um paciente com insuficiência cardíaca descompensada sem causa base identificada e uma abordagem sobre as causas mais comumente encontradas.


Texto completo:

PDF

Referências


CASTRO, Raquel Azevedo de. Adesão ao tratamento de pacientes com insuficiência cardíaca em um hospital universitário. 2010. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.

MANGINI, Sandrigo. Insuficiência cardíaca descompensada. 2013. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.

BOCCHI, E.A. DIRETRIZES Atualização da diretriz brasileira de insuficiência cardíaca crônica - 2012. 2012. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.

NOGUEIRA, Patrícia Resende. Perfil epidemiológico, clínico e terapêutico da insuficiência cardíaca em hospital terciário. 2010. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.

ALITI, Graziella Badin. Sinais e sintomas de pacientes com insuficiência cardíaca descompensada: inferência dos diagnósticos de enfermagem prioritários.2011. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.

VILAS-BOAS, Fábio. Tratamento atual da insuficiência cardíaca descompensada. 2006. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.

MONTERA, M. W. II Diretriz brasileira de insuficiência cardíaca aguda.2009. Disponível em: . Acesso em: 30 set. 2018.

RABELO, Eneida R.. Manejo não-farmacológico de pacientes hospitalizados com insuficiência cardíaca em hospital universitário. 2006. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.

ROMEIRO, Fernando G.. ARTIGO DE REVISÃO Alterações gastrointestinais associadas a insuficiência cardíaca.2012. Disponível em: . Acesso em: 30 set. 2018.

MESQUITA, Evandro Tinoco. Infecções na insuficiência cardíaca- seu impacto na mortalidade. 2018. Disponível em: . Acesso em: 28 set. 2018.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.