PNEUMONIA ADQUIRIDA NA COMUNIDADE: RELATO DE CASO.

Amanda Soares de Carvalho Barbosa, Larissa Alvim Mendes, Célio Roberto Coutinho Mendes, Renata Alvim Mendes

Resumo


 

Resumo: A pneumonia adquirida na comunidade é uma infecção do trato respiratório inferior que atinge as vias aéreas. Pode ser adquirida tanto fora do ambiente hospitalar ou que se manifesta em até 48 horas após internação. Os sintomas associados são dispnéia, dor ou compressão torácica, tosse, mal-estar, fraqueza, ritmo cardíaco acelerado. É uma doença comum, com alta mortalidade, sendo a quinta causa de morte no Brasil na população idosa. A radiografia de tórax auxilia identificar a gravidade da infecção e suas complicações. O início do tratamento geralmente é empírico devido o não conhecimento exato do agente etiológico, portanto é baseado em dados clínicos e epidemiológicos. A antibioticoterapaia deve ser realizada com quinolonas ou betalactâmicos associado a um macrolideo para pacientes internados e sem quadro de gravidade. O objetivo do estudo é relatar o caso de um paciente com antecedente de IAM e pneumonia em que foi indicado internação hospitalar e tratamento empírico, além de alertar para a necessidade de adoção de critérios e protocolos de atendimento. A metodologia utilizada foi qualitativa e descritiva, de revisão da literatura, busca de artigos na base de dados SCIELO e Google Acadêmico, na língua portuguesa e inglesa, com data de publicação após o ano 2004. O relato de caso foi descrito de forma cronológica pelo próprio paciente, após consentimento do mesmo para publicação e divulgação do estudo.


Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, José Roberto de; FERREIRA FILHO, Olavo Franco. Pneumonias adquiridas na comunidade em pacientes idosos: aderência ao Consenso Brasileiro sobre Pneumonias. J BrasPneumol, v. 30, n. 3, p. 229-36, 2004. Disponível em: . Acesso em: 21 out. 2018.

BRANDL, DjohnLenon. Infarto Agudo Do Miocárdio. Revista Uniplac. Lages, v. 5, n. 1 (2017). Disponível em: Acesso em: 21 out. 2018.

BRASIL. Ministério da Saúde. Caderno de Informações de Saúde. Distribuição Percentual das Internações por Grupo de Causas e Faixa Etária - CID10. DATASUS. 2010. Disponível em: < ftp://ftp.datasus.gov.br/caderno/geral/mg/MG_Manhuacu_Geral.xls> Acesso em: 06 out. 2019.

CHEST. 2019 Oct 11. pii: S0012-3692(19)34004-8. doi: 10.1016/j.chest.2019.09.022, Disponível em: < https://www.ncbi.nlm.nih.gov/m/pubmed/31610158/?i=1&from=community%20acquired%20pneumonia> Acesso em: 15 out. 2019.

CORREA, R.A. et al . Diretrizes brasileiras para pneumonia adquirida na comunidade em adultos imunocompetentes - 2009. J. bras.pneumol., São Paulo , v. 35, n. 6, p. 574-601. Disponível em: < http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-37132009000600011&lng=en&nrm=iso> Acesso em: 22 out. 2018.

CORREA, R.A. Estudo de casos hospitalizados por pneumonia comunitária no período de um ano. J. Pneumologia, v. 27, n. 5, p. 243-248, 2001. Disponível em: . Acesso em: 24 out. 2018.

DOS SANTOS, José Wellington Alves, NASCIMENTO, Douglas Zaione, GUERRA, Vinicius André, RIGO, Vanessa da Silva, MICHEL, Gustavo Trindade, DALCIN, Tiago Chagas. (2008). Pneumonia estafilocócica adquirida na comunidade. Jornal Brasileiro de Pneumologia, 34(9), 683-689. Disponível em: . Acesso em: 21 out. 2018.

GOMES, Mauro. Pneumonia adquirida na comunidade: os desafios da realidade brasileira.J Bras Pneumol. 2018;44(4):254-256. Disponível em: < http://www.jornaldepneumologia.com.br/imagebank/pdf/completo_v44n4_PT.pdf>. Acesso em: 13 out. 2019.

MACHADO, Daniel; MORAES, Leandro Tristão Abi-Ramia de; ESCARELI, Mariana de Oliveira; VIANNA, Itamar Alves. Pneumonia: Tratamento e Evolução. Cadernos UniFOA. Volta Redonda, Ano V, n. 14, dezembro 2010. Disponível em: . Acesso em: 21 out. 2018.

Ministério da Saúde. DATASUS. Infarto agudo do miocárdio é primeira causa de mortes no País, revela dados do DATASUS. 2014. Disponível em: Acesso em 21 out. 2018.

NICOLAU, José Carlos et al . Diretriz de interpretação de eletrocardiograma de repouso. Arq. Bras. Cardiol., São Paulo , v. 80, supl. 2, p. 1-18, 2003 . Disponível em: . Acesso em: 23 out. 2018.

Organização Pan Americana de Saúde. Determinantes Sociais e Riscos para a Saúde, Doenças Crônicas não transmissíveis e Saúde Mental. Doenças cardiovasculares. 2017. Disponível em: Acesso em: 23 out. 2018.

PINHEIRO, Bruno do Valle; DE OLIVEIRA, Júlio César Abreu. Pneumonia adquirida na comunidade. Jun. 2006. Revisão fev 2007. Disponível em: < https://docplayer.com.br/1083905-Pneumonia-adquirida-na-comunidade-autores-bruno-do-valle-pinheiro-1-julio-cesar-abreu-de-oliveira-2-publicacao-jun-2006-revisao-fev-2007.html> Acesso em: 13 out. 2019.

Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia. Diretrizes para Pneumonias Adqüiridas na Comunidade (PAC) em Adultos Imunocompetentes. J Pneumol.2009;35(6):574-601. Disponível em: Acesso em: 22 out. 2018


Apontamentos

  • Não há apontamentos.