ANÁLISE DA ESCLEROMETRIA NO CONTROLE TECNOLÓGICO DO CONCRETO

Artur de Carvalho Vieira

Resumo


As estruturas de concreto tem boa durabilidade, mas não são eternas. Muitas estão sujeitas a condições que podem diminuir seu desempenho e comprometer sua segurança. Para isso o controle tecnológico do concreto em todas as fases de sua vida útil faz-se indispensável. O uso da esclerometria para avaliação das estruturas é uma alternativa interessante por ser de fácil execução e não causar danos as mesmas. Através de uma revisão de estudos que correlacionam a dureza superficial (esclerometria) com a resistência à compressão axial o presente trabalho tem como objetivo analisar a confiabilidade dos resultados obtidos pela esclerometria na determinação da resistência do concreto a fim de demonstrar que este é um ensaio capaz de facilitar o acompanhamento do desempenho de estruturas de concreto se adaptado à realidade brasileira.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.