IMPORTÂNCIA DA ODONTOLOGIA DURANTE O TRATAMENTO DE PACIENTES ONCOLÓGICOS

Antonione Marcos Rodrigues de Assis

Resumo


presente estudo analisa a importância da odontologia durante o tratamento de pacientes oncológicos. O objetivo deste trabalho é propor ações que minimizem, estabilizem e diminua a infecção local e sistêmica durante e após o tratamento de câncer, aumentando a qualidade de vida do paciente. Este estudo é uma pesquisa bibliográfica qualitativa que busca em site eletrônicos em artigos já publicados, revistas e livros, os dados necessários para comprovar a eficácia da presença do odontólogo, no tratamento de pacientes com câncer. o
Estudo mostra que os cirurgiões dentistas, mesmo possuindo pouco conhecimento para realizar o atendimento do paciente com câncer, estão aptos a trabalhar com pacientes oncológicos e atuar na prevenção das infecções bucais durante o tratamento quimioterápico. Por isso, é imprescindível que o paciente em tratamento com câncer se submeta ao exame odontológico bem como os procedimentos sejam realizados de duas a quatro semanas antes do tratamento para permitir a cura adequada de qualquer procedimento bucal requerido, visando a prevenção de infecções periodontais, lesões endodônticas e cáries extensas. O estudo conclui que fica evidente que a presença do cirurgião dentista, durante o tratamento oncológico, ajusta as condutas odontológicas, propiciando um melhor resultado para a saúde do paciente, estabilizando as condições bucais, diminuindo a infecção local e sistêmica, durante e após o tratamento do câncer, aumentando a qualidade de vida do paciente com câncer.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.